Saga apresenta história do primeiro herói negro da literatura fantástica

20/02/2013 — Assessoria de Comunicação - Pluricom

Valdar é um continente vasto e antigo, um universo habitado por povos profundamente diferentes entre si, que, ao longo dos séculos, foi sendo delineado pela beleza de suas civilizações e pela terrível e ancestral violência de suas guerras. Esse mundo fantástico é o cenário criado pelo italiano Mark Menozzi para contar a história do primeiro protagonista negro da literatura fantástica, o herói Manatasi, jovem soberano Warantu, em O Rei Negro, lançamento da Gutenberg, com tradução de Ana Maria Chiarini e Diego Silveira Coelho Ferreira.

Com muitas aventuras e batalhas, a saga se passa em Valdar, o berço de grandes civilizações, grupos étnicos e nações, de raças muito antigas e povoado por elfos e anões, kobolds e goblins, humanos e gykshes. A vida de cada um dos membros de todas as raças, bem como a de outras criaturas, até mesmo de seus deuses, é controlada pela Roda da Fortuna que, por sua vez, é guardada por Dayros, o maior e mais poderoso dos deuses de Valdar, senhor da fortuna e do destino.

A trama centra-se em Manatasi, Príncipe das Catorze Tribos do Warantu, única raça negra entre os humanos de Valdar, e se desenrola a partir da decisão do Príncipe de partir em uma viagem em direção à Kemyss, babélica cidade da esperança construída recentemente entre muros. Reunindo povos de todo o continente, a nova cidade é considerada o centro da unificação do leste e do oeste. A intenção de Manatasi é ter seu nome gravado na Roda da Fortuna por Dayros e se fazer conhecido e respeitado em Valdar.

E a jornada do Príncipe rumo aos majestosos muros de Kemyss dará início a uma grande viagem de descoberta. Manatasi deixa para trás suas florestas junto a Sirasa, fiel xamã de espírito irrequieto e terá de defender mãe e filha do que parecia apenas uma agressão de bandidos; irá se aliar a um feiticeiro atormentado que, para redimir os crimes de seu povo, carrega em seu pulso o Bracelete da Culpa; conhecerá os gélidos Sacerdotes que leem a Roda da Fortuna e lutará contra Sanguescuro, o mercenário inescrupuloso que pretende despertar o Rei Negro, um Deus Adormecido cujo sono inquieto faz estremecer as montanhas. Guiado por sua sede de conhecimento e por seu espírito ingênuo e explosivo, Manatasi terá de decidir que preço está disposto a pagar para ser reconhecido com um dos heróis capazes de mudar o rumo do destino.

Nos moldes de uma saga fantástica tradicional, entre batalhas, magias e muita ação, a história criada por Mark Menozzi é impulsionada pela força magnética e irrefreável de seu protagonista, o primeiro herói negro do universo fantástico.

Sobre o autor – Mark Menozzi nasceu em 1974, numa pequena cidade entre as regiões italianas do Piemonte e da Ligúria, onde trabalha como bombeiro hidráulico e esconde seu incrível talento de contador de histórias. Há dezessete anos, todas as noites de sexta-feira, um grupo de amigos se reúne em sua casa, atraído pelas histórias, tramas e epopeias que, inevitavelmente, brotam de sua imaginação. É o criador de Valdar, continente em que transcorre este seu primeiro romance e também o RPG que dele se originou. Um mundo que, é provável, Menozzi conhece melhor do que o mundo real.

Para mais informações, entre em contato com nossa assessoria de comunicação pelo e-mail ou pelo telefone (11) 3034-4468.

← Voltar

Vendas institucionais e licitações
International calls
+55 (11) 3034 4468
Belo Horizonte
Rua Carlos Turner 420, Bairro Silveira,
Belo Horizonte - MG, CEP 31140-520,
Tel. (31) 3465-4500
São Paulo
Av. Paulista, 2073, Conjunto Nacional,
Horsa I, 23º andar , Conj. 2310, 2311, 2312
Cerqueira Cesar, São Paulo - SP, CEP 01311-940,
Tel. (11) 3034-4468
Fechar

Pesquisar por autor, título, série, coleção ou ISBN.