Narrativa policial juvenil mescla humor e suspense em tributo à literatura

05/06/2013 — Assessoria de Comunicação - Pluricom

O consagrado autor de livros juvenis Lourenço Cazarré estreia na Autêntica Editora com um livro repleto de ação, mistério, investigação e humor. A fabulosa morte do professor de Português conta, em um misto de comédia e suspense, a intrigante história de dois garotos que acompanham sem querer a morte do crítico literário e professor de Português mais odiado da cidade.

Mariana e Teodoro são os melhores escritores do colégio onde estudam. Eleitos repórteres do jornal da escola, recebem a missão de escrever uma matéria sobre a inauguração da Esquina das Palavras, nova livraria da cidade. Diversos intelectuais e poetas comparecem ao evento, incluindo o famoso e insuportável Severino Severo, o professor de Português que só critica a todos que tentam escrever poesia ou ficção. Durante o evento, ocorrem vários fatos que culminam com sua morte. A partir daí, se iniciam as especulações. Quem o matou? Como? Por quê? A cada hipótese levantada pelos dois adolescentes e por outros personagens, a narrativa se mescla à tensão da investigação e à comicidade das cenas retratadas, envolvendo o leitor até um desfecho surpreendente e muito divertido.

Aliando o traço monocromático, solto e bem-humorado das ilustrações de Negreiros ao texto fluido, ágil e cheio de humor de Lourenço Cazarré, A fabulosa morte do professor de Português envolve os leitores numa trama que, acima de tudo, faz uma homenagem aos grandes escritores e aos grandes livros da literatura brasileira e universal.

Sobre o autor – O gaúcho Lourenço Cazarré é jornalista de formação e escreve romances para jovens desde 1985, buscando histórias movimentadas, ora tristes, ora alegres, que consigam captar a atenção de seu público. Ganhou o Prêmio Jabuti em 1998 com o livro Nadando Contra a Morte, e o Prêmio Açorianos de 2002, da Prefeitura de Porto Alegre, com Ilhados, considerado o melhor livro de contos de 2001. Seu livro Clube dos Leitores de Histórias Tristes foi eleito o melhor livro para leitores de dez a doze anos de 2005, segundo a revista Veja. Seus livros A Cidade dos Ratos e Nadando Contra a Morte foram considerados Altamente Recomendáveis pela Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ).

Sobre o ilustrador – Negreiros nasceu e vive em São Paulo. É ilustrador freelancer, há quase quatro décadas, das principais editoras e veículos jornalísticos do país. Reconhecido por seu traço marcante e bem-humorado, seus trabalhos frequentam periodicamente as páginas de importantes jornais e da revista Veja, assim como de livros infantis e juvenis de diversas editoras.

Para mais informações, entre em contato com nossa assessoria de comunicação pelo e-mail ou pelo telefone (11) 3034-4468.

← Voltar

Vendas institucionais e licitações
International calls
+55 (11) 3034 4468
Belo Horizonte
Rua Carlos Turner 420, Bairro Silveira,
Belo Horizonte - MG, CEP 31140-520,
Tel. (31) 3465-4500
São Paulo
Av. Paulista, 2073, Conjunto Nacional,
Horsa I, 23º andar , Conj. 2310, 2311, 2312
Cerqueira Cesar, São Paulo - SP, CEP 01311-940,
Tel. (11) 3034-4468

Pesquisar Fechar

Pesquisar por autor, título, série, coleção ou ISBN.