Grupo Autêntica

Autêntica Business Yellowfante Gutenberg Nemo Vestígio Play
O sujeito não envelhece - Psicanálise e velhice

O sujeito não envelhece - Psicanálise e velhice

Carregando...

A tese fundamental do estatuto do sujeito, que, para a Psicanálise com Freud e Lacan, se associa à idéia de inconsciente, é de que este não envelhece. Orientando-nos, a princípio, para se pensar o conceito de velhice bem como a clínica do idoso, ela não recobre totalmente a particularidade dessa clínica e, muito menos, o conceito de velhice. Que é a velhice a partir da ótica analítica? Quais as incidências e os efeitos do real do tempo cronológico e sua relação com o que não envelhece? Como operar com a direção do tratamento na clínica com idosos? Se a velhice é determinada em cada época e em cada cultura de forma diferenciada, os significantes que tentam nomeá-la incidem sobre os sujeitos, provocando seus efeitos. A velhice é também um efeito dos discursos. A relação do sujeito à velhice se mede também pelos atos. Ela demanda a criação de novas vestimentas para o desejo a partir dos traços marcados por cada sujeito e um tratamento do real pelo simbólico.

Páginas: 232 • Formato: 16,0 x 23,0 cm • Acabamento: Brochura • ISBN: 9788575261484 • Código: 249 • Área temática: Psicologia | Psicanálise | Psicossociologia | Saúde • Autêntica Editora • Edição: 1 • Mês/Ano de publicação: 06/2007

R$ 54,90



Resenhas sobre o livro

Mostrar todas ↓

Obras da mesma área

Representações sociais, identidade e preconceito Representações sociais, identidade e preconceito Adriano Roberto Afonso do Nascimento, Ingrid Faria Gianordoli-Nascimento, Maria Isabel Antunes-Rocha
Caro Dr. Freud Caro Dr. Freud Gilson Iannini
Pesquisa e psicanálise Pesquisa e psicanálise Tânia Ferreira, Angela Vorcaro
Patologias do social Patologias do social Vladimir Safatle, Nelson da Silva Junior, Christian Dunker
Receba as novidades da Autêntica Editora
Fechar

Pesquisar por autor, título, série, coleção ou ISBN.